A infertilidade masculina algumas vezes está relacionada a uma única doença. Porém, em alguns casos, são vários fatores que levam a redução de fertilidade.

A varicocele, por exemplo, é uma doença que prejudica os vasos testiculares e é a responsável por cerca de 40% dos casos primários de infertilidade masculina.

Causas da Infertilidade Masculina

Alguns hábitos podem afetar de modo negativo a produção de espermatozoides:

  • Uso de algumas drogas como maconha e cocaína
  • Anabolizantes (testosterona)
  • Tabagismo
  • Obesidade
  • Excesso de exercícios físicos
  • Estresse
  • Má nutrição
  • Poluição
  • Entre outros

A infertilidade masculina também pode estar ligada a outros problemas, como:

  • Vasectomia
  • DST’s (Como a clamídia, ureaplasma, tricomoníase e neisseria)
  • Redução do número de espermatozoides por questões naturais de idade
  • Espermatozoides anormais
  • Ausência de espermatozoides (azoospermia)
  • Entre outros

Existem ainda doenças e problemas que podem interferir a produção de espermatozoides, tais como:

  • Testículos Criptorquídicos (testículos que ficam fora da bolsa testicular)
  • Alterações genéticas
  • Disfunções hormonais

tratamento para infertilidade masculina em são paulo

 

Exames para Diagnóstico de Infertilidade Masculina

Alguns exames são indispensáveis para a avaliação do índice de potencial reprodutivo.

Espermograma

No exame de espermograma avalia-se o sêmen de forma geral. São feitas duas análises: a macroscópica e a microscópica. Na macroscópica são analisadas algumas características como a coloração, viscosidade, odor, volume e PH. Já na microscópica são analisadas a morfologia, motilidade e a concentração. O objetivo do espermograma é avaliar e identificar as causas que podem estar levando o paciente a ter infertilidade.

Em alguns casos o espermograma pode revelar a ausência de espermatozoides. Este problema é chamado de azoospermia e pode ser causado por doenças que impedem a passagem de espermatozoides, como a fibrose cística.

Exame físico da bolsa testicular

A não produção de espermatozoides saudáveis podem estar relacionados a problemas no interior dos testículos, alterações de temperatura no local e outros problemas relacionados a bolsa testicular, como o mau posicionamento dos testículos (criptorquidia), varicocele (varizes localizadas na região do escroto). Permanecer em locais com temperaturas muito elevadas também podem afetar a qualidade do sêmen produzido.